ondadura-logo-amarelo
O Evangelho não é moralista, mas é a restauração da moralidade

O Evangelho não é moralista, mas é a restauração da moralidade

Muitos dão bastante ênfase à graça, favor imerecido, tal ênfase sem sombra de dúvidas é necessária e é, de fato, o fundamento para moralidade. Porém não podemos divorciar a moralidade cristã da pregação da graça. A graça atua justamente para transformar imorais em pessoas morais, essa é a beleza da salvação! Não apenas a ida para um lugar melhor que nós (céu), mas a vinda de um lugar que nos pertence (céu). 

A graça não é um fim em si mesma, ela é derramada sobre nós para que sejamos transformados de glória em glória. Não faz sentido algum Jesus perdoar os nossos pecados, para que continuemos mergulhados nos mesmos pecados. Portanto, você sabe se de fato a graça foi absorvida, quando os frutos começarem a aparecer. Sem uma transformação moral, somos apenas falastrões religiosos. 

Dizia Jesus “dêem frutos que mostrem arrependimento”. Devemos pregar um evangelho integral, o evangelho que nos aceita e transforma. Porque, se não formos transformados, a graça será apenas um conto fantasioso e um devaneio de um tempo mórbido em nossas vidas.

 

Pastor Filipe FalcãoOnda Dura Joinville

Contribua

Estamos transformando o mundo por meio do evangelho. Queremos chegar em todos os lugares, para que outras pessoas sejam tocadas pela presença inquestionável de Jesus. Se você nos acompanha, mesmo pelas redes sociais, através dos nossos vídeos, de longe ou de perto e quer contribuir financeiramente com a Onda, faça um depósito em nossa conta corrente. A sua ajuda pode mudar a eternidade de milhares de pessoas.

ONDA DURA

Caixa Econômica Federal (104)
Agência: 1897/003 – C/C 4291-4

Razão Social: Onda Dura
CNPJ 22.788.440.0001-98

Fechar Menu